sábado, 29 de junho de 2013

Músicas em 440 Hz vs 432 Hz

432hz-vs-440hz-water


Esta postagem pode parecer um tanto fora dos "padrões" do que viemos postando ultimamente, mas o assunto está fortemente conectado com os demais.

Diz respeito à afinação das músicas que escutamos atualmente.

O assunto começou a me chamar a atenção depois de ver insistentes mensagens e publicações de amigos do facebook alinhados com a ideia do despertar de consciência, de que nosso padrão musical não é o mais adequado para nossa audição, pois estaria desalinhado com a frequência em que nosso corpo e todo o universo funciona naturalmente. E tudo isto foi feito, como quase todas as questões negativas que envolvem nosso mundo, a partir de um processo de sabotagem das sombras.

A questão é que o padrão natural de afinação é baseado na nota LA em 432 Hz, e não em 440 Hz como está atualmente convencionado.

Bem, fiz uma breve pesquisa na Internet para tentar entender um pouco esta questão, chegando às seguintes considerações:

- Até o século XX acredita-se que o padrão de afinação utilizado era com base em 432 Hz. Entretanto, não haviam equipamentos eletrônicos sofisticados que pudessem verificar a precisão deste tom.

- Depois dos anos 30, foram introduzidas as modificações neste padrão de frequência. Alguns afirmam que houve mesmo a participação do nazismo neste processo, que forçava a utilização do 440 Hz para promover a desarmonia nos indivíduos. Entretanto, segundo o Site Update or Die (que possui uma visão mais cética do assunto) o padrão de 440 Hz passou a ser recomendado oficialmente em 1936 pela American Standard Assotiation (ANSI) - entretanto já era utilizado pela indústria fonográfica americana desde 1926 -, e pela International Organization for Standardtization (ISO), em 1955.

- O número 432 pode ser encontrado em movimentos e propriedades de corpos celestes, como Saturno, o Sol, a Lua e a própria terra (veja no Blog Mauro Muller). Esta relação se estende a elementos da natureza, devido a sua relação com o número de Fibonacci (número Phi e proporção áurea). Esta questão, entretanto, não consegui comprovar diretamente em nenhuma fonte (a matemática que leva a esta constatação), embora parece evidente que ela exista.

- De qualquer forma, o fato de a escala afinada por 432 Hz estar mais afinada com as vibrações naturais pode ser muito concretamente comprovada pelos experimentos de cimática, que consiste em fazer vibrar uma placa com areia em cima, a determinada frequência e avaliar as figuras que aparecem (experiência similar a esta é a que dá origem à foto inicial desta postagem, que é feita, entretanto, na água). O vídeo a seguir mostra como as notas musicais afinadas por 432 Hz apresentam figuras mais nítidas do que as afinadas por 440, o que indica que o primeiro caso está mais afinado (em ressonância) com estas frequências naturais. Em algumas notas esta diferença é muito evidente e mostra o quão distante a afinação por 440 Hz está deste padrão natural. Este é o link para o vídeo no youtube (o blogger não o encontra para inserir no meio do texto):

http://www.youtube.com/watch?v=1zw0uWCNsyw

Em função disto, realizei algumas experiências pessoais para verificar a consistência desta afirmação, de que a música em 432 Hz estaria mais sintonizada com nossas frequências naturais e portanto sua audição resultaria em maior harmonia interna.

Em primeiro lugar, vale ressaltar que sempre tive alguma dificuldade de ouvir a música tradicional (de qualquer tipo, mas especialmente as mais "agitadas"), especialmente por um longo tempo, pois sempre me sentia "cansado" em ouvi-las.

Bem, escolhi uma música para fazer o teste no youtube, que foi "Set Fire in the Rain" de Adele. A escolha foi casual, na verdade esta foi a primeira música que apareceu quando busquei por "música em 432 Hz". De qualquer forma acho que foi uma boa escolha pois acredito que uma música muito agitada torne a percepção da diferença mais difícil.

A primeira impressão que tive ao ouvir a música em 432 Hz é que ela me soou mais agradável ao ouvido. Entretanto isto não é muito conclusivo pois a própria música escolhida é, em si, agradável (pelo menos segundo minha percepção). Bem, o que passei a fazer foi então escutar as duas músicas de forma alternada, por diversas vezes. A impressão de que a música de 432 Hz soava mais agradável ainda permaneceu, mas era entretanto muito sutil e vaga. O que tentei fazer em seguida foi então tentar entrar em estado mais meditativo ouvindo a música, ou seja, procurando sentir mais minhas vibrações. Foi então que a diferença se tornou mais perceptível. A constatação que tive foi que a música em 432 Hz vai ajudando a elevar a vibração, como se uma ressonância fizesse com que fosse possível um estado emocional e mental mais elevado. Já a de 440 Hz, apesar da voz agradável da cantora, em alguns momentos se tornava um tanto agressiva, como uma espécie de ruído no fundo a "atrapalhar" e incomodar constantemente.

Tenho a impressão, entretanto, que talvez o resultado seria um pouco diferente ou a diferença seria mais sutil em músicas feitas para meditação, que possuem tipos de sons que induzem um estado meditativo. Acredito, entretanto, que a frequência em que a música é executada diminui bastante os benefícios que elas poderiam ter (e de fato tem, mesmo em 440 Hz).

Depois de fazer esta experiência, encontrei um site que guia o leitor em uma experiência similar a esta, para experienciar a diferença entre as duas frequências. Segundo o texto, a melhor forma de perceber esta diferença é justamente sentindo ela em nós mesmos (em nosso corpo e emoções). Veja o link aqui (o nome do site é Omega432, está em inglês, mas parece ser a fonte de muitos textos em sites em português).

De qualquer forma, estas são apenas impressões iniciais, já que não passei muito tempo escutando músicas em 432 Hz para verificar os efeitos de longo prazo (se não há o cansaço referido acima, por exemplo).

Abaixo as músicas utilizadas (Set Fire in the Rain) para quem quiser repetir a experiência:

440 Hz:


432 Hz:




Instruções para conversão das músicas para 432 Hz

Para quem tem interesse em converter suas músicas para o padrão 432 Hz, pode seguir o passo-a-passo indicado abaixo. Como utilizo o sistema operacional Linux, a instalação foi muito simples, pois o Audacity está no repositório do Ubuntu, bastando instalá-lo pela "Central de Programas". Aliás, para quem usa o Ubuntu, recomendo fazer simplesmente esta operação, e seguir os passos abaixo para a conversão.


Entretento o Audacity também funciona em Windows e Mac (segundos os desenvolvedores do programa), bastando baixá-lo da internet (http://audacity.sourceforge.net/). Há outros programas gratuitos que também fazem este trabalho (acredito que qualquer bom editor de som), podendo ser encontrados na internet.

Seguem as instruções para a conversão, obtidas do site Nos dias de Noé:

Iniciado: Uma vez instalado no seu computador, abra o programa e seguir a seguinte rotina:

1 - Clique em File, Open, selecione a música e aparece em forma gráfica (onda
onda)

2 - Clique em Editar, Selecionar tudo, você vai ver que escurece.

3 - Pressione Efeitos- Alterar Tom altura. Em variação percentual, valor: -1,818

Em semitons (meio-passos) muda automaticamente para - 0,32 (às vezes não, depende da versão do programa, mude manualmente)

IMPORTANTE:. O valor pode aparecer com a, (vírgula) ou (ponto) , (depende da versão do programa) ..

4 - Clique em OK.

5 -  Exportar arquivo como WAV, AIFF, MP3 , ou outro formato de áudio e escolher onde quer salvar a música.

Esta é uma outra opção, você nos deu um engenheiro de som. (Mais qualidade em algumas músicas do primeiro método dá pobre ou qualquer incompatibilidade no áudio).

1 - Clique em File, Open, selecione a música e aparece em forma gráfica (onda onda)
2 - Clique em Editar, Selecionar tudo, você vai ver que escurece.
3 - Clic mudança de velocidade de efeito. Em variação percentual, valor: -1,8184 - Clique em OK.
5 - "" Exportar arquivo como WAV ou AIFF e escolher onde quer salvar a música.

Exportar como AIFF e WAV ou MP3, não é o caso, no formato Wav ou freqüências de ondas Aiff, pois não são compactados em mudança de formato  para mp3, essa mudança inibe a harmônica fundamental corta algumas freqüências necessárias. Enfim, quando podemos escolher o formato de exportação a sugestão é .M4A (AAC) é melhor do que o mp3, todas as músicas no iTunes são neste formato. O formato final da exportação depende de você, se você quer qualidade ou reduzir a qualidade em benefício do espaço que ocupa.

No formato WAV ou AIFF você pode gravar as músicas em um CD e jogá-lo em qualquer aparelho de som, CD player, carro ...

NUNCA alteres os valores, por exemplo:
Amostragem 44100Hz frequência ou formato amostra 16bit.

Se modificar estes valores poderá destruir ou alterar o áudio. Em Preferências do Audacity mostra estes valores, mas não os altere.

Ouça música diretamente para 432Hz

(Nota: Para usuários Mac: Converta música em MacOSX 432Hz com VOX)

Foobar2000 é um player de áudio avançado para a plataforma Windows.

Principais características:

Formatos de áudio suportados: MP3, MP4, AAC, CD Áudio, WMA, Vorbis, FLAC, WavPack, WAV, AIFF, Musepack, Speex, AU, SND ... e outros componentes.

Suporte para ripar CDs de áudio, bem como a transcodificação de formatos de áudio suportados pelo componente conversor.

Baixe o programa foobar2000 e pluginDSP SoundTouch no seguinte link:

http://www.mediafire.com/?t7g94u6w5c8agny

Em seguida, descompacte o arquivo zip para uma pasta temporária. Execute o arquivo foobar2000_v1.1.8.exe Uma vez instalado no PC, você deve copiar o arquivo: foo_dsp_soundtouch.dll  dentro da pasta componentes do foobar2000, encontrado nos Arquivos de Programas do Windows.

Na área de trabalho o ícone (parece um alien) dê um duplo clique para abrir o programa.

Vá em File - Preferences - Playback - DSP ​​Manager. aparecerá 2 colunas .
transfira o "SoundTouch" para a outra coluna (active DSPs).

Clique em SoundTouch e clique em "Configure selected", marque a opção  Pitch adjust:
 ajuste para -0,32 semitons a OK e em OK.

Clique em File - Open para abrir uma música ou add Files...para adicionar a música que você quer ouvir.


13 comentários:

  1. Muito interessante!!! Realmente eh bem diferente... Com a afinação em 432 hz realmente senti o corpo mais relaxado, enquanto que com a afinação em 440 hz me senti um tanto desconfortável em alguns momentos da música.

    ResponderExcluir
  2. Oi Mateus,
    Obrigado pelo seu depoimento e pela confirmação!

    ResponderExcluir
  3. Tenho um pen drive com 2.000 musicas, tem como fazer em todas de uma só vez?

    ResponderExcluir
  4. Oi Bruno,
    Não sou especialista nesta questão de softwares... Me parece que os que foram apresentados aqui não tem esta possibilidade. Pelo menos eu não consegui. Se vc descobrir algum que possa fazer esta conversão massiça, nos informe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://www.youtube.com/watch?v=I47DfhmVztM

      Este vídeo explica como mudar com todas as músicas ao mesmo tempo!

      Excluir
  5. Eduardo, achei muito interessante o assunto abordado e gostaria de conhecer mais
    Vc poderia me passar as referências utilizadas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alberto,
      As principais referências que utilizei estão nos links na própria postagem!
      Abs!

      Excluir
  6. Meu maior problema é que escuto musica principalmente em programas de edição de vídeo e som. Tentei procurar alguma forma de alterar isso diretamente no windows mas sem sucesso. Alguma dica?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Usa O Reaper 4, ele é bem Leve , e Já vem com Plugins para fazer esta Alteração , Tipo o reapitch ,é so Baixar a Porcentagem de Cents , Coloca -40 cents.( Baixa o Programa no Torrent )

      Excluir
  7. Esta Informação tem procedência , Estou Fazendo umas experiencia , com o audio e Existe uma Grande Diferença em Ouvir Fora da Frequência
    440 HZ Realmente esta Fora da Vibração do Universo, e Nosso Sistema Molecular , a Conspiração contra a Humanidade vai Além dos Nossos 5 Sentidos...

    ResponderExcluir
  8. A Grande Conspiração esta Além de Nossos 5 Sentidos , 440HZ é Uma Frequência fora de Sintonia com nosso Sistema Molecular , isso foi um trabalho da Ciência Nazista..

    ResponderExcluir
  9. Correção: na configuração do footbar esqueceu do principal que é alterar o rate para -1,82 % (440hz x 100% dividido por 432 hz = 101,8....).
    Este raciocinio pode ser usado em outros editores pois indica o percentual da alteração na frequencia. Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Pessoal conheço uma musica que esta em la 432 foi gravada na decada de 70 procurem CAMEL - SUPERTWISTER

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...